Qual é a hora certa de deixar o emprego e viver de música?

O sonho de todo artista é viver de música e fazer sucesso com o público. Mas construir uma carreira bem sucedida demanda uma boa dose de persistência e estratégia.

Nem sempre é possível dedicar-se completamente ao trabalho musical pois, inicialmente, os rendimentos podem não ser suficientes para satisfazer as necessidades básicas.

É por isso, que muitos músicos desenvolvem profissões paralelas e mantêm um emprego fixo para sobreviver e pagar as contas, colocando a carreira artística como uma segunda alternativa, até conseguir reverter a situação e torná-la seu foco central.

Mas como identificar a hora certa de fazer essa transição entre deixar o emprego formal e investir todo seu tempo para viver de música?

Pensando neste dilema, trouxemos alguns indicadores que vão te ajudar a identificar o melhor momento e tomar a decisão certa. Continue lendo esse artigo e confira!

A sua renda com shows é maior ou igual à que você tem hoje?

O primeiro indicador de análise da sua carreira que mostrará se chegou a hora de você deixar o emprego e viver de música é a sua renda total.

Se os seus rendimentos com os shows são iguais ou maiores do que o seu salário na iniciativa privada e esse valor suprir todas as suas necessidades, então você pode considerar abrir mão do emprego formal.

Do contrário, espere mais um pouco pois o risco de você precisar de dinheiro e ter que voltar atrás na sua decisão pode ser grande!

E antes de  finalizar seu vínculo com a empresa, é aconselhável construir uma reserva financeira para emergências, porque a rotina de um músico além de não apresentar garantias, ainda conta os altos e baixos ao longo do ano.

Você já tem um CD gravado?

O segundo indicador de análise da sua carreira é o CD. Se você já investiu na produção de um álbum ou EP e o lançou ao mercado, então você já pode considerar que o seu trabalho está apto a alcançar as pessoas.

Sendo assim,você pode pensar em deixar o emprego para se dedicar totalmente à divulgação das suas músicas, organizando ações em shows e eventos e agendando amostras gratuitas do seu som.

Do contrário, é aconselhável você planejar e produzir o seu CD antes, até porque, essa etapa exigirá um valor de investimento e de tempo, para formular uma estratégia que realmente atinja o seu público.

Se você ainda está iniciando a sua carreira e precisa de um direcionamento, baixe agora mesmo o ebook Tudo o que você precisa saber para gravar o seu CD e conheça o passo a passo para planejar o seu álbum ou EP.

Qual é a hora certa de deixar o emprego e viver de música?

Você também pode se interessar por outros artigos do nosso blog:

Como é viver de música?

O terceiro indicador de análise da sua carreira é o equilíbrio emocional. Será que você realmente sabe o que é viver de música?

Porque a vida do artista é regada de muitos desafios, tanto fora quanto dentro dos palcos. E é preciso estar preparado para diferentes tipos de contrariedades como rejeição do público, críticas, erros durante o show, variações na renda, etc.

Ás vezes, você pode ter os recursos materiais que necessita mas não estar psicologicamente preparado para enfrentar o mercado musical.

Então é necessário buscar o equilíbrio em todos os indicadores para tomar uma decisão mais acertada sobre deixar o emprego e mergulhar de cabeça na carreira para viver de música.

E aí, gostou? Acesse agora o nosso site e conheça os serviços da Discmídia!!!