O Spotify é uma das principais plataformas utilizadas, hoje, pelos artistas. Os profissionais que desejam alcançar sucesso através de sua música investem nesse serviço para, então, conquistar maior visibilidade.

Com o Spotify, desse modo, é possível divulgar música de forma mais ampla e conquistar seguidores. Porém, há uma série de gafes cometidas diariamente pelas pessoas que desejam alavancar a carreira dessa forma.

Assim, trouxemos um conteúdo valioso para que você conheça 7 erros comuns de músicos no Spotify. E, então, evitar cometer esses deslizes que podem prejudicar o reconhecimento de sua música. Acompanhe abaixo!

Dicas para músicos no Spotify

Não impulsionar nas redes sociais

Um dos erros mais comuns de músicos no Spotify é não impulsionar as músicas fora do serviço de streaming. Essa tarefa é crucial para que um número maior de pessoas conheça sua obra e o seu trabalho, e não deve ser ignorada.

Quando um músico impulsiona suas músicas nas redes sociais, traz muito mais visibilidade. Além disso, o reconhecimento é uma etapa fundamental para que as pessoas comecem a gostar de seu trabalho. Assim, faça um planejamento e compartilhe suas músicas também nas outras redes sociais!

Não analisar as métricas

Esse é outra gafe muito cometida pelos músicos que utilizam o Spotify. No mundo do marketing e da competitividade no mercado, é fundamental que os resultados de nossos projetos sejam analisados.

O processo de análise das métricas pode não parecer importante para muitas pessoas. Porém, é uma das etapas que requerem maior atenção, pois, por meio das métricas, é possível acompanhar sua evolução dentro do Spotify. Ademais, é possível

Assim, invista na análise das métricas e se suas ações estão surtindo o efeito desejado dentro e fora da plataforma. Desse modo, será possível alinhar o que for preciso e otimizar sua performance cada vez mais.

Investir pouco no visual

Investir no visual e na capa dos seus álbuns no Spotify é uma tarefa importante que não deve ser ignorada. Afinal, a princípio, o que tem o poder de atrair e chamar a atenção dos consumidores de música é a aparência da obra.

Assim, investir em um planejamento visual para sua conta no Spotify é um processo crucial e necessário. Além disso, você tem o poder de personalizar sua página e música do jeito que desejar. Dessa forma, sobretudo para os músicos desconhecidos, essa é uma maneira de fazer o público te conhecer.

Não lançar músicas com frequência

Lançar músicas apenas de vez em quando não é o suficiente para que as pessoas passem a conhecer e gostar do seu trabalho. Ainda mais em uma plataforma como o Spotify, na qual a competitividade aumenta exponencialmente a cada minuto.

Assim, crie uma rotina de planejamento para lançar suas músicas. Assim que você se mostrar comprometido e manejar a manutenção do seu perfil, ganhará seguidores fidelizados!

Ademais, crie o hábito de intercalar os lançamentos com ações em outras redes sociais. Dessa forma, será possível descobrir o que mais interessa seu público e seguir um rumo na divulgação de sua obra.

Tentar enganar o sistema

Muitos artistas que desejam ter suas músicas bem vistas no Spotify tendem a cometer esse erro. Porém, tentar enganar os algoritmos é uma forma antiética de crescimento musical que quase nunca traz benefícios.

Um exemplo disso ocorre quando o artista toca suas próprias músicas repetidamente para aumentar seus números. Ou, até mesmo, quando contrata empresas de “click farm”, técnica utilizada para ganhar mais plays.

Além de representar uma ação incorreta, tentar burlar o Spotify é péssimo para a sua carreira, pois muitas vezes, você é descoberto. Ademais, o que realmente importa na divulgação de sua música é o engajamento com o público, e não os números.

Desconsiderar a importância da verificação de artista

Essa é uma etapa primordial para o ingresso de um músico no Spotify. A verificação de artista fornece um selo representado pelo símbolo azul que vemos ao lado da imagem da conta. Assim, esse processo indica que a conta é verdadeira, conferindo certo grau de profissionalismo dentro do Spotify.

Dessa forma, investir na sua verificação de artista é essencial se você deseja crescer dentro da plataforma. Além de representar segurança e maior relevância ao público, esse serviço possibilita que você tenha acesso ao número de ouvintes e seguidores em tempo real. Assim, é possível analisar relatórios de desempenho da sua música.

Também é possível inserir playlists ou músicas selecionadas em seu perfil por duas semanas. E, ademais, os perfis verificados são os preferidos pelos algoritmos e curadores de playlists do Spotify.

Não investir muito nas playlists

Não investir nas playlists é um erro comum cometido por artistas dentro do Spotify. As playlists abrem portas para que um músico seja reconhecido dentro da plataforma. Logo, é essencial que haja esse tipo de interação para com outros músicos e seguidores.

Por exemplo, você pode começar a criar suas próprias playlists. Tente mesclar suas próprias músicas com as de outros artistas, com os quais você se identifica. Assim, por meio dessa ação, você terá mais chances de entrar em cena com sua obra. E o mais importante, chamar a atenção dos curadores de playlists.

Esse foi nosso conteúdo sobre 7 erros comuns de músicos no Spotify. E então, ainda tem alguma dúvida? Deixe nos comentários!

Esperamos que nosso blog post tenha te auxiliado a não cometer esses erros e, assim, alcançar sucesso em sua música. Veja também em nosso blog 8 dicas para sua página de artista no Facebook!

Assine nossa news e fique ligado!

Não se preocupe, não enviamos spam!